Agenda de Eventos Feministas em Portugal

ondas

Exposição + Roda: Da Maré ao Canindé, inspiração pras periferias

EXPOSIÇÃO + RODA DE LEITURA/CONVERSA - “Literatura Comunica!” com Raíza Barros e Miriane Peregrino

O projeto “Literatura Comunica!” vem ao FFLx com uma exposição e oficinas de leitura sobre a escritora afro-brasileira Carolina Maria de Jesus (1914-1977). Se liga!

EXPOSIÇÃO: "Da Maré ao Canindé, inspiração para as periferias"
A exposição consiste na aproximação da história dos livros "Quarto de Despejo: diário de uma favelada" (1960) e "Casa de alvenaria: diário de uma ex-favelada" (1961), ambos da escritora afro-brasileira Carolina Maria de Jesus (1914-1977) com a atualidade da favela da Maré nos dias de hoje e foi montada pela 1a vez no Museu da Maré, um museu comunitário criado pelos moradores da favela no Rio de Janeiro.
RODA DE LEITURA CAROLINA DE JESUS
Além de conhecer a exposição, quem visitar tb poderá participar de uma das sessões das oficinas de leitura sobre os livros de Carolina de Jesus que serão apresentadas por Raíza Barros, moradora da Maré e estudante de Jornalismo, que estará representando o projeto Literatura Comunica! no FFLx. Fiquem atentxs aos horários das oficinas! Os diários de Carolina de Jesus para debate: despejo, fome, género, reforma agrária, política, educação e racismo, entre outros.


https://aliteraturacomunica.wordpress.com/
https://www.facebook.com/miriane.peregrino
https://www.facebook.com/literaturacomunica/

BIOGRAFIA DO PROJETO
O projeto “Literatura Comunica!” atua no incentivo à leitura e difusão de obras literárias de escritores oriundos das classes populares ou que escrevem sobre, e, ainda, na divulgação de literaturas estrangeiras. O projeto nasceu em 2013 através das rodas de leitura realizadas na favela da Maré reunindo jovens leitores. No ano seguinte, organizou no Museu da Maré a exposição "Da Maré ao Canindé, inspiração para as periferias", relacionando narrativas atuais da Maré com trechos de livros da escritora Carolina Maria de Jesus. A exposição e as rodas de leitura do projeto foram contemplados com o Prémio Todos Por Um Brasil de Leitores (2015) e o Prémio Culturas Populares (2018) do agora extinto Ministério da Cultura. Em 2016, as rodas de leitura foram realizadas em escolas ocupadas de várias cidades do Rio de Janeiro - capital, Niterói, São Gonçalo, Maricá e Saquarema - além dos estados do Espírito Santo, Rio Grande do Norte e Pernambuco. Em 2018, a exposição e as rodas de leitura foram realizadas em Angola e Moçambique, ampliando o diálogo da literatura brasileira com países africanos de língua portuguesa. O projeto foi criado pela estudante de letras, Miriane Peregrino, e tem informações atualizadas nas redes sociais! Curte e segue!

Blog: https://aliteraturacomunica.wordpress.com/
Instagram: @literaturacomunica
Twitter:  @literaturacomun
Facebbok: Literatura Comunica

Links:
ícone feminista.pt