Agenda de Eventos Feministas em Portugal

ondas

Exposição Colectiva “Feminista Presente, Hoje e Sempre!”

De 4 de Maio a 22 de Junho

ARTISTAS : Andrea Acker (BR) / Bruna Alcantara (BR) / Carolina Alberton Leipnitz  (BR) / Giulia Cerioli (IT)/ Juliana Naufel (BR) / Juliano Mattos + FIBRA - Frente de Imigrantes Brasileiros Antifascistas do Porto (BR)/ Luiza Porto (BR) / Malena Albarracin (AR) / Márcia Bellotti (BR) / Teresa Lenzi (BR) / Tereza Beirão (BR) / Sara Lemos (PT)/ Helena Topa, Emanuel de Sousa, Daniela Gonçalves, Olinda Favas (PT).

CURADORIA: Festival Feminista do Porto / Alícia Medeiros / EARLYMADE Cedofeita

Sinopse: A arte feminista destaca as diferenças sociais e políticas que as mulheres experimentam em suas vidas. O ganho esperançoso desta forma de arte é trazer uma mudança positiva e compreensiva para o mundo, na esperança de levar à igualdade. É a prática que procura desafiar o domínio dos homens na arte e na sociedade, para obter reconhecimento e igualdade para mulheres artistas, e para questionar suposições sobre feminilidade e outros estereótipos de gêneros.
A arte feminista é uma praxis ativista, contestadora e revolucionária.
Xs artistas aqui reunidxs, de diferentes países, contextos e motivações formam uma pequena amostra de uma prática artística diária, política e transformadora.

“A questão ‘por que não houve grandes artistas mulheres?’ Levou-nos à conclusão, até agora, que a arte não é uma atividade livre, autónoma de um indivíduo super-dotado, ‘influenciado’ por artistas anteriores e, mais vagamente e superficialmente por ‘forças sociais’, mas sim, que a situação total de fazer arte, tanto em termos de desenvolvimento do artista e na natureza e qualidade do trabalho de arte em si, ocorrem em uma situação social, são elementos integrantes desta estrutura social, e são mediados e determinados por instituições sociais específicas e definidas, sejam elas academias de arte, sistemas de comissariado, mitologias do criador divino, o artistas enquanto homem(viril) ou marginal social.” (Nochlin, 1988, p. 158)

Nochlin, Linda. (1988). Why Have There Been No Great Women Artists? In Linda Nochlin (Ed.),Women, Art, and Power: And Other Essays (pp. 147-158). USA: Westview Press.

Links:
ícone feminista.pt